esta semana, as autoridades da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo fizeram o pedido à Justiça para busca e apreensão do telefone de Nájila Trindade. A modelo que acusa Neymar de estupro, no último dia 15 de maio, havia dito que entregaria até o dia 11 de junho o aparelho, que pode ajudar nas investigações, mas não o entregou.

No entanto, o mandado se restringe ao endereço fixo informado pela modelo, mas há dias ela não aparece no local informado à Justiça. O fato de a modelo não apresentar o celular ou o tablet que conteria um vídeo de sete minutos do segundo encontro dela com Neymar levou o advogado Danilo Garcia de Andrade a abandonar o caso. O novo advogado, Cosme Araújo, afirmou que não tem conhecimento sobre o mandato e que deve desembarcar em São Paulo nesta semana.

Acontece que uma foto que circula nas redes sociais mostra a modelo no aeroporto de Ilhéus, na Bahia, ao lado do advogado. Na imagem, ela aparece mexendo no celular. A informação é que aparelho seria o mesmo solicitado pela Justiça e o clique foi feito nesta segunda-feira (17). Vale lembrar que o defensor de Nájila é baiano

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here